Menu

Por que a Rede Globo não transmite o UFC na íntegra

A história do MMA não pode ser contada sem uma importante referência ao Brasil. Os primeiros eventos de MMA foram protagonizados nos Estados Unidos, mas promovido por brasileiros. O campeão dos 2 primeiros eventos, quando ainda não existia divisão de categorias, foi o brasileiro Royce Gracie, que hoje compõe o rol da fama do UFC. Além disso, atualmente com um número menor de atletas que os Estados Unidos participando, detém 3 cinturões das 8 categorias disputadas no UFC, o evento de MMA mais importante do mundo. Soma-se a isso o fato de que o atleta considerado o melhor lutador da atualidade peso por peso (Anderson Silva) é brasileiro.

Mesmo assim, só recentemente uma competição de MMA foi transmitido em canal aberto no Brasil. Se o MMA fosse um esporte sem popularidade, isso até seria compreensível. Ao contrário, é um dos esportes mais populares do mundo na atualidade, e essa popularidade vem crescendo. Mesmo antes de ser transmitido em canal aberto, o esporte atrai uma multidão de fãs que acompanham os eventos, além de levar muitos adeptos para as academias de artes marciais, que se multiplicam impulsionadas pela crescente popularidade do MMA.

A emissora de canal aberto que detém o direito de transmitir o UFC no Brasil é a Rede Globo. Porém, ao contrário do esperado, vem causando polêmica e descontentamento por transmitir as lutas atrasadas, quando divulga que seriam ao vivo. Mas, esse não é o único problema… A emissora transmite apenas as lutas de brasileiros, enquanto o evento é composto por várias lutas em diferentes categorias. Acaba acontecendo que, quando a luta é rápida, como na última defesa pelo título dos pesos-pesados do Júnior Cigano contra o Frank Mir, que acabou antes do final do primeiro round, não é proporcionado muita coisa ao espectador.
Por outro lado, é provável que os verdadeiros fãs gostariam de assistir a todas as lutas. Mas, se a emissora transmitisse pelo menos o card principal completo, além das lutas dos brasileiros, já se redimiria com o público espectador. De fato, a discreta cobertura dada ao MMA no Brasil não condiz com a importância e popularidade desse esporte para o país. E isso é lamentável, pois não parece que mudará num futuro próximo.

No comments

Deixe uma resposta

UserOnline

Saiba Como Assistir O UFC Online AO VIVO