Menu

Liberdade condicional de Jon Jones termina e ele não deve mais nada à justiça! Veja todas as polêmicas que ele já se envolveu!

Veja a seguir em ordem cronológica todas as polemicas em que Jon Jones se envolveu:

  • Jon Jones se tornou campeão dos meio-pesados do UFC em 2011, quando tomou o título de Maurício Shogun;
  • Em agosto de 2014, Jones e seu arquirrival Daniel Cormier saíram na mão durante uma coletiva de imprensa. Como resultado, Jones teve de pagar uma multa, prestar serviço comunitário e perdeu o patrocínio da Nike;
  • Contra seu rival Daniel Cormier em janeiro de 2015, Jones levou a melhor na decisão dos juízes;
  •  Pouco depois, nova polêmica: Jones havia testado positivo em um teste surpresa realizado um mês antes, por cocaína;

  • Em entrevista à TV norte-americana, Jones mostrou arrependimento sobre o episódio. Ele se internou em uma clínica de reabilitação, mas permaneceu lá somente por uma noite;

  • Em abril de 2015, Jones cruzou um sinal vermelho em Albuquerque e atingiu em cheio o carro guiado por uma mulher grávida. O lutador fugiu sem prestar socorro e chegou a ser preso e perdeu cinturão do UFC após polêmica.
  • Em março de 2016, Jones estava sob condicional pelo acidente de 2015 e discutiu com policial após abordagem.Por ter violado a condicional, Jones foi novamente preso
  • A poucos dias da revanche contra Daniel Cormier no UFC 200 pelo cinturão definitivo da categoria, Jones foi retirado do card após falhar em um exame antidoping surpresa. Na ocasião, o atleta foi flagrado com clomifeno e Letrozole, ambos bloqueadores de estrogênio. Como a punição foi aplicada de maneira retroativa, referente à data em que seu exame teve o resultado divulgado, ele estará liberado para lutar em julho deste ano.

Suspenso após ser flagrado no exame antidoping do UFC 200, Jon Jones ainda não pode retornar ao octógono,
mas sua sentença de 18 meses de liberdade condicional, devido ao lutador não ter prestado socorro em um acidente automobilístico no qual se envolveu, o acidente aconteceu em 2015 como dito anteriormente, e nesta terça-feira sua sentença terminou, além da liberdade condicional o lutador também recebeu a pena de 72 aparições com grupos infantis para dar palestras e educar crianças sobre evitar decisões ruins em suas vidas, que chegou ao fim, e ao menos com a justiça o lutador já não está mais com pendencias, porém cada vez mais com “imagem” manchada pelas suas atitudes fora do octógono.

Dentro dos ringues o lutador de apenas 29 anos, tem um cartel profissional de 22 vitórias e apenas uma derrota, em uma desclassificação por uma cotovelada ilegal que foi muito contestada. Ex-número um do ranking peso por peso do UFC e mais jovem campeão da história da maior organização de MMA do planeta, Jones fez sua última luta em abril de 2016, quando bateu Ovince St. Preux no UFC 197, em duelo válido pelo cinturão interino dos meio-pesados.

 

No comments

Deixe uma resposta

UserOnline

Saiba Como Assistir O UFC Online AO VIVO